Forças de segurança ocupam favelas de Manguinhos e Jacarezinho, no Rio.

14/10/2012 14:33
Cerca de 1.500 homens --entre fuzileiros navais e policiais militares-- ocupam desde o início da manhã deste domingo (14) as favelas de Manguinhos e Jacarezinho, na zona norte do Rio. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a operação começou às 5h e conta com 24 carros blindados e sete aeronaves.
Mais cedo, houve troca de tiros entre militares e criminosos no morro do Jacarezinho, mas até as 6h30 não havia informações de feridos. Já em Manguinhos, houve apenas o aviso de chegada da tropa através de fogos de artifício.
Barricadas de ferro e concreto --montadas pelo tráfico-- foram desmontadas com a ajuda de retroescavadeiras. Um blindado da Marinha chegou a passar por cima de uma das barreiras montadas nas vias de acesso à favela de Manguinhos.
Também foram ocupadas as favelas Mandela e Varginha. A operação visa implantar nos próximos meses uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) na região. A data não foi divulgada.
De acordo com o IPP (Instituto Pereira Passos), órgão municipal, 36.160 mil pessoas vivem nessas favelas, que pertencem ao Complexo de Manguinhos --localizado no entorno da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz).
Ocupação nas favelas do Rio
De acordo com a Secretaria de Segurança, outros 400 PMs estão operando simultaneamente na Baixada Fluminense e em outras regiões da zona norte e na zona oeste.
OCUPAÇÃO
Na sexta-feira, policiais militares fizeram blitzes nas vias de acessos às favelas. A reportagem passou pela região e avistou barricadas de ferro e concreto formadas por traficantes nas entradas das comunidades. Homens do Bope (Batalhão de Operações Especiais) circulavam em picapes no entorno do Jacarezinho. Eles revistavam suspeitos e acompanhavam o movimento no local.
O secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, negou que as favelas do Jacarezinho e Manguinhos serão ocupadas por conta do resgate do traficante Diogo de Souza Feitosa, o DG, na 25ª DP (Engenho Novo), no início de julho.
"Nossa ideia é de recuperar território e levar paz para aquelas pessoas e garantir a liberdade de ir e vir. Nós não podemos fazer e não vamos fazer de um marginal um troféu. Isso é consequência de um trabalho", disse.
Na ocasião, Feitosa foi resgatado na delegacia por 15 homens armados com fuzis identificados como traficantes das favelas de Manguinhos, Mandela e Jacarezinho. Houve troca de tiros, mas os criminosos conseguiram fugir.
MORTES
Na madrugada de sábado, cinco suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas morreram durante uma operação de policiais militares do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), no morro do Juramento, em Vicente de Carvalho, zona norte do Rio.
 
(Folha de São Paulo).



—————

Voltar


Contato

Blog de informações policiais do Brasil. Notícias internas e de atuações das forças de segurança pública do Brasil.

Rio de Janeiro.
https://www.facebook.com/pages/Blog-de-defesa-dos-policiais-do-Brasil/354746594650696


watsapp: 4896435754





Enquete

Você é a favor da PEC 300 ?

Porque ?
72%
63

O que traria de bom para a corporação ?
14%
12

Quais as vantagens para seus funcionários ?
15%
13

Total de votos: 88